08 março, 2010

Cachaça Cinema Clube - Ficção Científica

Há pouco mais de 100 anos atrás, a célebre invenção dos irmãos franceses, o cinematógrafo, serviu tanto para registrar os operários saindo das fábricas quanto para representar viagens e mundos imaginários... E, explorando planetas distantes ou especulando sobre o futuro, os filmes de ficção científica tornam-se meio para reflexão das sociedades e do tempo presente. Assim nos mostram Metropolis, Alphaville, La Jetée, Farenheit 451, Laranja Mecânica, Stalker... alguns dos mais geniais filmes da história do cinema. E, claro, são também ficções científicas as obras mais populares e rentáveis do planeta, que o digam os ETs, Aliens, Exterminadores, Navis e por aí vai...

O Cachaça Cinema Clube do dia 10 de março embarca então neste gênero do cinema, aproveitando uma excelente safra de novos curtas e homenageando aquele que é considerado o seu precursor, Georges Méliès.

Éternau é uma vertiginosa viagem no espaço-tempo, obra do casal de artistas Gustavo Jahn e Melissa Dulius. O filme tem a beleza da matriz analógica, matéria-prima das pesquisas estéticas da dupla, e seu colorido fixa-se nas retinas por muito tempo...


Flash Happy Society, de Guto Parente - recentemente premiado na Mostra de Cinema de Tiradentes pelo longa Estrada para Ythaca - mostra uma sociedade vítima de paranóia registrativa, viciada em megapixel, escrava de aparatos e ansiosa por eternizar todos os momentos vividos.



Pimentípoli é uma aventura que se passa no futuro do passado, envolvendo espiões e segredos de máxima importância para a humanidade. Filmado em Berlim, Recife, Rio de Janeiro, Petrolina e Paquetá, contando com um elenco estelar, o filme é a nova superprodução de Eduardo Souza Lima, mais conhecido como Zé José. E terá no Cachaça a sua estreia brasileira.


Estreia também, em tela carioca, o novo filme de Kleber Mendonça Filho, Recife Frio. O filme retrata um enigmático incidente climático e suas consequências na metrópole nordestina. E já nasce um clássico. Sarcástico e afetuoso, engraçado e reflexivo, o filme acompanha um movimento atual de revisão da cidade, presente em vários outros filmes pernambucanos, e é, nas plavras de Kleber, "um lamento de amor" sobre o Recife.

Para fechar exibiremos, com o apoio da Cinemateca do MAM e ajuda de Hernani Heffner, fragmentos espetaculares da obra de Georges Méliès, em película. O cineasta, que em 1902 dirigiu Viagem à Lua, uma das primeiras ficções científicas que se tem conhecimento, era um mestre do ilusionismo e seu trabalho foi fundamental na construção da linguagem cinematográfica a serviço dos sonhos dos homens.
Após os filmes, acontece a tradicional degustação de Aguardente Claudionor, caninha mineira da cidade de Januária, eleita a terceira melhor cachaça do Brasil.

Na festa, apresentação flamejante de Os Vulcânicos . A banda é responsável pela cena rock mais genuína da Lapa, apresentando todas as sextas, em um boteco pé-sujo, clássicos do rock n’roll, rockabilly, surf music, garage, blues e jovem guarda. Antes e após o show, DJ H, o frontman do rockambo tupiniquim, ataca com Stray Cats, Elvis, Chubby Checker, Damaso Perez Prado e de quebra homenageia o semideusDavid Bowie, autor de Space Oddity, a trilha sonora rocker por excelência da ficção científica. 

A bilheteria só funciona para a sessão de filmes. Chegue cedo. 


Dia 10 de março, às 21h, no Cinema Odeon Petrobras

Mostra MIAU



Últimas semanas para se inscrever!
Acesse a seção "Filmes" do site e faça sua inscrição.
 
Acompanhe o MIAU na web

Última chamada para as inscrições no 3º MIAU

18 setembro, 2009

Universo-JF tem nova turma de Produção Audiovisual em 2009

A Universidade Salgado de Oliveira (UNIVERSO) abriu nova turma do curso de Produção Audiovisual (Cinema e TV) neste segundo semestre de 2009. O último vestibular do semestre aconteceu no dia 16 de agosto e as inscrições foram abertas, puderam ser feitas pelo site ou na própria instituição.

O curso de Produção Audiovisual da Universo Juiz de Fora é uma graduação tecnológica e tem a duração de dois anos. O curso é dado no período noturno por professores que já possuem reconhecimento na cidade e na região, como Alexandre Alvarenga, Franco Groia, Marcelo Fregulia e Rogério Terra.

Ao longo dos dois anos, o aluno aprende, em aulas práticas e teóricas, todo o processo de produção audiovisual, seja para televisão, seja para cinema. O curso possui disciplinas que ensinam: fotografia; iluminação; produção; captação e edição de imagens e sons; história da arte e do cinema e noções de animação digital.

Outras informações:

Tel.: (32) 3216.8530; (32) 8818.8530; (32) 3311.9973; (32) 3311.9983.

Ou ainda pelo e-mail: comunica.universo@gmail.com.

Coodenador do Curso: Jornalista Rodrigo Toledo França (MTB/MG 11075/06)

17 setembro, 2009

Curta "Longe de Tudo"

Resistência e Criação

Curso de CRÍTICO DE CINEMA

O Curso tem o objetivo de iniciar o aluno nas técnicas da Crítica de Cinema através da análise dos elementos que compõem o produto cinematográfico (argumento, roteiro, casting, direção de arte, fotografia, montagem, pós-produção, etc.).
Serão analisados os aspectos artísticos, comerciais e mercadológicos dos filmes, bem como técnicas de jornalismo aplicadas à crítica cinematográfica.

Temas abordados:

Fundamentos e Funções - Arte e Jornalismo.
O Roteiro - onde tudo começa: O Esqueleto do Filme.
Direção de Arte - Desenho de Produção e Fotografia: O Visual do Filme.
Direção, Câmera e Estilo: O Corpo do Filme.
Montagem, Pós-Produção e Sonorização: O Toque Final.

Professor: Celso Sabadin
Celso Sabadin é Publicitário pela Escola Superior de Propaganda e Marketing e Jornalista pela Fundação Cásper Líbero. Especializou-se em jornalismo cinematográfico a partir de 1979.

Foi crítico de cinema em diversos veículos, entre eles Folha da Tarde, Jornal do Vídeo, cadernos de vídeo dos jornais O Estado de São Paulo e Folha de S. Paulo, além das revistas Cláudia, Vídeo Mercado, Vídeo Business, Íris Foto, Vídeo News, Classe News e Ver Vídeo. Produziu e apresentou programas sobre trilhas sonoras de cinema nas rádios USP, Brasil 2000 e 89FM.

Foi durante 12 anos apresentador, roteirista e crítico de cinema na Rede Bandeirantes de Televisão, Band News e Canal 21. Realizou a cobertura jornalística de mais de 50 festivais de cinema nacionais e internacionais.
Foi Curador e produtor da Mostra Cine Santander España.

Atualmente é crítico de cinema da TV Gazeta, dos sites Cineclick, Yahoo, 100% Vídeo e Planeta Tela, da Revista de Cinema, Revista SET e da Rádio Bandeirantes.

É curador do Brazilian Film Festival of Toronto e produtor do Festival de Cinema do Coração.

Desde 2003 organiza e ministra cursos livres de Cinema no Planeta Tela Espaço Cultural, onde também presta serviços de Assessoria de Imprensa para filmes brasileiros e Festivais de Cinema.

É membro da APCA - Associação Paulista dos Críticos de Arte e Patrono do IBAC - Instituto Brasileiro de Arte e Cultura no segmento de Cinema.

É autor dos livros "Vocês Ainda Não Ouviram Nada - A Barulhenta História do Cinema Mudo" (atualmente na 3a. edição, pela Summus Editorial) e "Éramos Apenas Paulistas", pela Imprensa Oficial do Estado.

===============

Datas:
Todas as segundas-feiras, de 21 de setembro a 14 de dezembro de 2009, das 19h30 às 22h

Investimento:
R$ 780,00 ou 4x R$ 195,00.

Matrículas feitas até dia 31/08: R$770,00 ou 4x R$193,00
Alunos com carteirinha Planeta Tela Desconto Especial: R$ 640,00 ou 4 x R$ 160,00.

Maiores informações:
celsosabadin@planetatela.com.br

16 setembro, 2009

Cachaça Cinema Clube - Setembro 2009


O Cachaça Cinema Clube do dia 16 de setembro traz de volta às telas dois dos mais importantes festivais de cinema do país: o Festival Brasileiro de Cinema Universitário, o maior do país para filmes realizados por estudantes; e o Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo, que chegou este ano à 20ª edição e é um dos maiores festivais de curtas da América Latina.

Na sessão, exibiremos os filmes destes festivais que mais se destacaram aos nossos olhos, ganhadores do *Troféu Cachaça Cinema Clube*. É sempre uma honra poder oferecer esta premiação, uma oportunidade de apresentar belos filmes e também ampliar o trabalho destes eventos tão tradicionais do cinema brasileiro.

Do Festival Universitário exibiremos *Chapa*, de Thiago Ricarte (Melhor Road movie), *Bomba!* de Lara Lima, Marcelo Lima e Renato Coelho (Melhor filme do Godard) e *Que cavação é essa?*, de Estevão Garcia e Luís Alberto Rocha Melo (Melhor filme avinagrado, encolhido e fora de foco). Do Festival de São Paulo exibiremos *Nº 27*, de Marcelo Lordello (Melhor drama humano) e * JLG/PG*, de Paolo Gregori (Melhor filme frustrado).

Para completar, uma homenagem surpresa a um mestre maior do cinema, inspirador de parte significante dos filmes da sessão. Coisa fina.

Após os filmes acontece a tradicional degustação da *Aguardente Claudionor*, a 3ª melhor cachaça do Brasil. No segundo andar do cinema, nosso novo projeto de DJs convidados será inaugurado por *Lucio Branco *e* Marcelo Callado*, da festa *Trepidante, *dedicada ao lado B do Rock n' Roll. E *DJ H * apresentará seu novo sistema de som, trazendo um pouco da nova cena musical eletrônica (disco punk, space disco, new disco, dead disco e etc, além de grupos de rock que flertam com a eletrônica). Quarta-feira será uma noite bem embalada. Musik Non Stop/Techno Pop!

E lembramos que a maré do Rio de Janeiro está boa para os amantes do cinema. De 18 a 24 de setembro acontecerá, no Unibanco Arteplex, a Semana dos Realizadores, com filme inéditos na cidade, representativos da enorme e criativa nova produção brasileira de cinema. Confira a programação e se jogue. O balneário vive!

Cachaça Cinema Clube, dia 16 de setembro, às 21h no Cinema Odeon Petrobras.

Maiores Informações:
*Cachaça Cinema Clube*
(porque cinema é a nossa cachaça)
www.cachacacinemaclube.com.br

Orlando Senna lança "Os lençóis e os sonhos"

Programação com Vicente Ferraz no NPD/Piauí

No período de 13 a 20 de setembro de 2009 os participantes do Núcleo de Pordução Digital Fotógrafo José Medeiros (NPD) de Teresina (PI), vão vivenciar uma rica experiência ao conviver e aprender com o cineasta carioca Vicente Ferraz, autor do premiadíssimo documentário “Soy Cuba - O Mamute Siberiano”, (melhor documentário do Festival de Gramado 2005, selecionado para o prestigiado Sandance Institute dos EUA, dentre outros prêmios).

Vicente é formado em cinema na EICTV de Cuba, está acabando de mixar seu primeiro longa: “El Ultimo Comandante”, preparando a produção de outro longa: “A Montanha”, a ser filmado numa co-produção com a Itália e que tem no roteiro um personagem piauiense.

Também participou de um longa coletivo formado por vários episódios dirigidos por cineastas de vários países: “*O Estado do Mundo”, que foi mostrado no Festival de Cannes 2008. *

Em Teresina, ele vai ministrar aulas noturnas na Escola de Teatro, vai participar de encontros informais para discutir assuntos de interesse do setor. No curso vai falar sobre direção, fotografia, captação de recursos e inserção de produtos audiovisuais no mercado.

No dia 17 de setembro, as 19h será feito o lançamento no Piauí, do filme: "Soy Cuba - O Mamute Siberiano", no auditório Carmen Sinot, do CEFET, seguido de debate com este diretor e os presentes.

Trata-se de uma atividade do curso “Você Pode, Você Faz”, aberta ao público em geral. No dia 19 de setembro, será dado inicio as filmagens dos exercícios práticos dos cursos do NPD nas locações já definidas.

Estas atividades fazem parte do processo de formação do Núcleo de Produção Digital Fotógrafo José Medeiros, Teresina (PI), participante do Programa Olhar Brasil, parceria entre a TV Antares, Governo do Estado do Piauí e a Secretaria do Audiovisual, do Ministério da Cultura, com o apoio executivo da ABD, Associação Brasileira de Documentaristas, seção Piauí.